O amor está no ar!

"Eu amo você mais do que café". Foto: We heart it.

“Eu amo você mais do que café”. Foto: We heart it.

Hoje, 12 de junho, é celebrado o Dia dos Namorados no Brasil e é tão bom ter alguém para partilhar histórias, sorrisos, livros, fotos, cafés, chocolates… Não é mesmo? Não deixe de demonstrar a outra pessoa o quanto ela é importante pra você e de reafirmar isso ao longo do tempo, não contando apenas com as datas marcadas no calendário. E se ainda não achou a sua cara-metade, não fique triste com os ares aprixonados do dia, aproveite para partilhar da companhia de pessoas queridas, há sempre alguém disposto a degustar um delicioso café ou chocolate com você. Feliz dia nos namorados!

“Só tu, meu bem, me arrebatas/ A vontade, o pensamento;/ Vivo de ver-te e de amar-te,/ E detesto o fingimento.”

Manuel Maria de Barbosa l’Hedois du Bocage (1765- 1805), poeta português.

Imagem: Calvin & Hobbes

Imagem: Calvin & Hobbes

“Consta nos astros, nos signos, nos búzios
Eu li num anúncio, eu vi no espelho, tá lá no evangelho, garantem os orixás
Serás o meu amor, serás a minha paz
Consta nos autos, nas bulas, nos dogmas
Eu fiz uma tese, eu li num tratado, está computado nos dados oficiais
Serás o meu amor, serás a minha paz
Mas se a ciência provar o contrário, e se o calendário nos contrariar
Mas se o destino insistir em nos separar
Danem-se os astros, os autos, os signos, os dogmas
Os búzios, as bulas, anúncios, tratados, ciganas, projetos
Profetas, sinopses, espelhos, conselhos
Se dane o evangelho e todos os orixás
Serás o meu amor, serás, amor, a minha paz
Consta na pauta, no Karma, na carne, passou na novela
Está no seguro, pixaram no muro, mandei fazer um cartaz
Serás o meu amor, serás a minha paz
Consta nos mapas, nos lábios, nos lápis
Consta nos Ovnis, no Pravda, na Vodca” (Chico Buarque em Dueto)

Assista o vídeo de Chico Buarque e Nara Leão cantando a música “Dueto”: https://www.youtube.com/watch?v=Kye_O-l6uMc

Foto: We heart it.

Foto: We heart it.

“Amo-te tanto, meu amor… não cante
O humano coração com mais verdade…
Amo-te como amigo e como amante
Numa sempre diversa realidade

Amo-te afim, de um calmo amor prestante,
E te amo além, presente na saudade.
Amo-te, enfim, com grande liberdade
Dentro da eternidade e a cada instante.

Amo-te como um bicho, simplesmente,
De um amor sem mistério e sem virtude
Com um desejo maciço e permanente.

E de te amar assim muito e amiúde,
É que um dia em teu corpo de repente
Hei de morrer de amar mais do que pude.”

(Rio de Janeiro, 1951. Soneto do Amor Total. Vinícius de Moraes)

Foto: We heart it

Foto: We heart it

“Todas as cartas de amor são
Ridículas.
Não seriam cartas de amor se não fossem
Ridículas.

Também escrevi em meu tempo cartas de amor,
Como as outras,
Ridículas.

As cartas de amor, se há amor,
Têm de ser
Ridículas.

Mas, afinal,
Só as criaturas que nunca escreveram
Cartas de amor
É que são
Ridículas.

Quem me dera no tempo em que escrevia
Sem dar por isso
Cartas de amor
Ridículas.

A verdade é que hoje
As minhas memórias
Dessas cartas de amor
É que são
Ridículas.

(Todas as palavras esdrúxulas,
Como os sentimentos esdrúxulos,
São naturalmente
Ridículas.)”

(Álvaro de Campos, 21/10/1935 – Todas as cartas de amor…)

Foto: We heart it.

Foto: We heart it.

Anúncios

Uma resposta para “O amor está no ar!

  1. E eu amo essas lindas do blog Café com Chocolate! Admiro mais e mais o trabalho de vcs. Continuem sempre assim com esse incrível trabalho! E quero saber quando vamos fazer aquela reportagem do café hein!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s